Nota à imprensa

por Ramon Barbosa Franco publicado 07/06/2019 18h30, última modificação 07/06/2019 18h45
A Câmara Municipal de Marília, enquanto instituição democrática lamenta que órgãos de imprensa se prestem a desinformar a população
Nota à imprensa

A Câmara Municipal se mantém firme em seu papel de legislar e fiscalizar o Poder Executivo

Relativamente à matéria veiculada no site “Jornal do Povo”, edição de 7 de junho de 2019, com a manchete “CAIXA 2 PAGAMENTOS A VEREADORES: Prefeito Daniel Alonso e Câmara continuam calados sobre investigações do GAECO e julgamento no Tribunal de Justiça” A Câmara Municipal de Marília comunica que segundo informações constantes do site do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (www.tjsp.jus.br) será votado na próxima quarta-feira, dia 12 de junho, em sessão da 7ª Câmara Criminal pedido de arquivamento, feito pelo GAECO, do inquérito n.º 0020206-74.2019.8..26.000, que trata de denúncia anônima de caixa dois para pretenso pagamento a vereadores. Assim, ao contrário do que faz parecer a notícia em questão, nenhum dos agentes políticos citados será julgado por algum ato passível de condenação. A Câmara Municipal de Marília, enquanto instituição democrática lamenta que órgãos de imprensa se prestem a desinformar a população e a noticiar dados parciais e inverídicos por meio de fatos distorcidos. No caso, o julgamento de uma proposta de arquivamento por absoluta carência probatória foi veiculado como algo grave, passível de alterar a ordem política de Marília.  A Câmara Municipal ressalta, ainda, que se mantém firme em seu papel de legislar e fiscalizar o Poder Executivo e que serão tomadas providências em face dos danos causados pela referida publicação.